Cineteatro São Luiz anuncia maratona de Matrix para agosto

cineteatro-são-luiz-maratona-matrix-reporter-entre-linhasApós o sucesso da maratona Star Wars, com ingressos esgotados em menos de 24 horas, e as maratonas do mês de julho, com entradas esgotadas em apenas 28 min, o Cineteatro São Luiz prometeu novas maratonas para breve. Neste sábado, 9, o tradicional cinema fortalezense anunciou a exibição da trilogia Matrix para agosto.

O clássico cyberpunk das irmãs Wachowski narra a trajetória do jovem programador Thomas Anderson, interpretado por Keanu Reeves, que ao se ver atormentado por pesadelos de um sistema futurista passa a questionar o que é real. Lançado em 1999, o longa traz ainda nomes como Laurence Fishburne e Carrie Anne-Moss no elenco. O filme ganhou as sequências Matrix Reloaded e Matrix Revolutions, ambas lançadas em 2003, e se estendeu no anime e histórias em quadrinhos Animatrix e no jogo Enter the Matrix.

Maratonas

O Cineteatro São Luiz descobriu nas maratonas uma forma de reacender a nostalgia dos fãs de cultura pop de Fortaleza e fazer com que passem a ocupar o equipamento cultural. Para julho, foram anunciadas cinco maratonas. Os ingressos para a trilogia fantástica O Senhor dos Anéis esgotaram em apenas 28 min. Já as entradas para os filmes Toy Story foram as que mais demoraram a acabar e mesmo assim foi em tempo absurdamente rápido: apenas 1h15min. Veja aqui a programação completa deste mês.

Ainda não há detalhes sobre a maratona The Matrix. Acompanhe a página do São Luiz no Facebook ou fique de olho no blog para mais informações.

Veja o trailer do filme:

Vila das Artes terá mostra gratuita de curta-metragem nesta terça-feira

A Mostra Dialogando com o Cinema exibe três curtas-metragens, nesta terça-feira, 5, a partir das 18h30min, no auditório da Vila das Artes. Serão exibidos os filmes Janaína Overdrive (2016), de Mozart Freire, Santa porque avalanche (2016), de Paulo Victor Soares e  Ficar me trouxe até aqui (2016), de Renata Cavalcante. Na sequência, será apresentado o projeto Lobo Temporal e haverá roda de conversa com os realizadores e o cineasta e curador audiovisual Pablo Arellano.

Vila-das-Artes-mostra-gratuita-curta-metragem-reporter-entre-linhas.jpg
Imagem: Irene Bandeira

“Lobo Temporal” é uma exposição de sons que poderá ser visitada ainda neste mês, no Foyer do Theatro José de Alencar. Desenvolvido por Vivi Rocha, que trabalha com captação de som, edição e masterização, o projeto surgiu de um estudo sonoro. Assim somo os filmes, “Lobo” é resultado de dois anos de estudos da terceira turma de Realização Audiovisual, curso técnico da Vila das Artes.

Vivi já teve trabalhos exibidos na Mostra do Filme Livre e no Cine Ceará com A Rabeca, curta premiado pelo júri popular no Festival do Audiovisual Luso Afro Brasileiro e considerado o melhor filme na Mostra Olhar do Ceará, em 2013.

Destaque do 26º Cine Ceará, o cineasta cearense Mozart Freire venceu o Festival com os dois filmes que concorreu. Cinemão (2015) foi eleito Melhor Curta pela Mostra Olhar do Ceará, composta por 39 produções locais, além de ter levado o Prêmio Mistika de masterização em DCP. O filme teve a participação de Renata Cavalcante como assistente de direção e Vivi Rocha na captação de som. Já o curta “Janaína Overdrive” venceu o prêmio especial Olhar Universitário de Melhor Curta.

Ainda no Festival, o cineasta Paulo Victor foi premiado pela Associação Cearense de Críticos de Cinema (Aceccine) com o documentário Antes da Encanteria (2015). O filme passou a ser exibido na TV Ceará e recebeu como complemento o Prêmio Unifor de Audiovisual no valor de R$ 5 mil. A direção do curta,aliás, foi uma parceria bem resolvida entre ele, Elena Meirelles, Gabriela Pessoa, Jorge Polo e Lívia de Paiva.

Já o curta O Sabor de Tutano (2014), de Renata Cavalcante, foi visto no Festival Curta Cabo Frio e na Mostra Livre de Cinema SP. Ela produziu ainda o videoarte “A Saída da Fábrica”, de Virgínia Pinho, premiado no 67º Salão de Abril.

Os filmes

Janaína Overdrive (2016)
(Classificação indicativa: 16 anos / Minutagem: 19 min)
Diretor: Mozart Freire
Sinopse: Janaína é uma trans com funções sexuais e está́ prestes a ser substituída pela nova tecnologia da corporação.

Santa porque avalanche (2016)
(Classificação indicativa: 16 anos / Minutagem: 17 min)
Diretor: Paulo Victor Soares
Sinopse: Quatro amigos inscrevem-se no concurso da garota molhada, fogem e apaixonam-se pela morte.

Ficar me trouxe até aqui (2016)
(Classificação indicativa: livre / Minutagem: 21 min)
Diretora: Renata Cavalcante
Sinopse: Três mulheres e um desejo em comum.

Serviço

Mostra Dialogando Com o Cinema
Local: Vila das Artes (auditório – 2º andar)
Endereço: Rua 24 de Maio, 1221 – Centro
Data: terça-feira, 5 de julho, a partir das 18h30
Gratuito

Confirme presença no evento.

Ingressos esgotam em apenas uma hora e Cine São Luiz promete novas maratonas

As cinco maratonas que acontecerão no Cineteatro São Luiz, no mês de julho, tiveram seus ingressos esgotados em tempo recorde. Ao todo, as entradas acabaram em pouco mais de uma hora. A trilogia O Senhor dos Anéis, de Peter Jackson, foi a mais concorrida. O cadastramento acabou em apenas 28 min. Os filmes de Toy Story demoraram apenas 1h15min para esgotar, sendo a última bilheteria a findar as entradas.

Star Wars foi a segunda franquia a ter seus ingressos esgotados. Em apenas 34 min já não havia mais entradas para a série de George Lucas. Na sequência, acabaram os ingressos para De Volta Para o Futuro, em 47 min, e Mad Max, em 56 min.

StarWarsEpIV.jpg

A assessoria do Cineteatro informou ainda, por meio do Facebook, que em breve serão divulgadas datas para novas maratonas, em função da grande demanda do público. A princípio, deve haver repetição de alguns dos filmes que serão exibidos em julho, mas os títulos ainda não foram confirmados.

Programe-se

As maratonas começam já no próximo sábado, 2, e terminam no dia 31 de julho. Veja as datas:

2/7 – Maratona De Volta Para o Futuro (I, II e III)
9/7 – Toy Story (I, II e III)
16/7 – Senhor dos Anéis (A Sociedade do Anel, As Duas Torres e O Retorno do Rei)
23/7 – Star Wars (Episódios I, II, III, IV, V, VI e VII)
31/7 – Mad Max (I, II e IV)

Retirada dos ingressos

De Volta Para o Futuro: até o dia 01 de julho, mediante apresentação da documentação cadastrada no formulário e de acordo com os horários de funcionamento da bilheteria;

Toy Story: até o dia 08 de julho, mediante apresentação da documentação cadastrada no formulário e de acordo com os horários de funcionamento da bilheteria;

O Senhor dos Anéis: até o dia 15 de julho, mediante apresentação da documentação cadastrada no formulário e de acordo com os horários de funcionamento da bilheteria;

Star Wars: até o dia 22 de julho, mediante apresentação da documentação cadastrada no formulário e de acordo com os horários de funcionamento da bilheteria;

Mad Max: até o dia 28 de julho, mediante apresentação da documentação cadastrada no formulário e de acordo com os horários de funcionamento da bilheteria.

A bilheteria do Cineteatro São Luiz funciona de terça-feira à sábado, das 10 horas às 18h30min, e domingo, das 13 h às 17 horas. Ingressos que não forem trocados até as datas indicadas para cada maratona serão disponibilizados, por ordem de chegada, na bilheteria do cinema uma hora antes do início da primeira sessão de cada Maratona.

Cineteatro São Luiz terá maratonas de O Senhor dos Anéis e De Volta Para o Futuro em julho

Após o sucesso da Maratona Star Wars em Fortaleza, no último sábado, 25, o Cineteatro São Luiz anuncia as maratonas do mês de julho. Dessa vez, o tradicional cinema fortalezense vai exibir as trilogias De Volta Para o Futuro, Toy Story e a brilhante saga inspirada na obra de J. R. R. Tolkien, O Senhor dos Anéis. Os fãs do clássico Mad Max também poderão rever os dois primeiros filmes da saga e o último, lançado em 2015.

De volta para o futuro.jpg
Dirigido por Robert Zemeckis, com Michael J. Fox e Christopher Lloyd, filme oitentista virou ícone da cultura pop

Além disso, quem perdeu a maratona Star Wars (com ingressos esgotados em menos de 24 horas) de junho, vai ganhar uma nova chance. Agora, o cineteatro vai exibir TODOS os sete filmes da franquia. A programação é gratuita.

O cadastramento para quem quiser garantir os ingressos será liberado nesta terça-feira, 28, às 16 horas. Para se cadastrar, será preciso acessar a página do cinema no Facebook, onde será disponibilizado o link.

Conheça os vencedores do 26º Cine Ceará

Os atores Chico Diaz e Dira Paes foram os homenageados desta edição e receberam o Troféu Eusélio Oliveira. Realizado de 16 a 22 de junho, o 26° Cine Ceará exibiu mais de 100 filmes

O longa-metragem uruguaio Clever, dos diretores Federico Borgia e Guilhermo Madeiro, é o vencedor do 26° Cine Ceará – Festival Ibero-Americano de Cinema, encerrado nesta quarta-feira, 22, no Cineteatro São Luiz. Ele foi eleito o Melhor Filme da Mostra Competitiva Ibero-Americana de Longa-Metragem, além de vencer na categoria Melhor Trilha Sonora. O longa ainda leva para casa prêmio em dinheiro no valor de 10 mil dólares.

Clarisse ou Alguma Coisa Sobre Nós Dois_foto1.jpg
Divulgação

Maresia, que estreia nos cinemas em setembro, levou o Troféu Mucuripe de Melhor Direção para o realizador Marcos Guttmann e Melhor Ator para Júlio Andrade. Sabrina Greve, do longa cearense Clarisse ou alguma coisa sobre nós dois, de Petrus Cariry, venceu o Troféu Mucuripe de Melhor Atriz. Na Mostra Competitiva Brasileira de Curta-Metragem, o filme O teto sobre nós, de Bruno Carboni, foi eleito Melhor Curta-Metragem. A Melhor Produção Cearense foi para A festa dos cães, de Leonardo Moramateus.

O cineasta cearense Mozart Freire venceu com os dois filmes que concorreu. Cinemão foi eleito Melhor Curta pela Mostra Olhar do Ceará, composta por 39 produções locais. Já o curta Janaina Overdrive venceu o prêmio especial Olhar Universitário de Melhor Curta.

Veja a lista completa dos premiados com o Troféu Mucuripe

Mostra Competitiva Ibero-Americana de Longa-Metragem

Melhor Longa-Metragem – “Clever”
Melhor Direção – “Maresia”
Melhor Fotografia – “Avó”
Melhor Montagem – “Menino 23 – Infâncias Perdidas no Brasil”
Melhor Roteiro – “Menino 23 – Infâncias Perdidas no Brasil”
Melhor Som – “Epitáfio”
Melhor Trilha Sonora – “Clever”
Melhor Direção de Arte – “Avó”
Melhor Ator – Júlio Andrade – “Maresia”
Melhor Atriz – Sabrina Greve –“Clarisse, ou alguma coisa sobre nós dois”
Prêmio da Crítica (Abraccine) – “Avó”

CINEMA foto3_web
Divulgação

Mostra Competitiva Brasileira de Curta-Metragem

Melhor Curta-Metragem – “O teto sobre nós”
Melhor Direção – “Índios no Poder”
Melhor Roteiro – “Fotograma”
Melhor Produção Cearense –“A festa dos cães”
Prêmio da crítica (Abraccine) – “Fotograma”

Mostra Olhar do Ceará

Melhor Curta-metragem – “Cinemão”

Prêmios especias

Prêmio Aquisição Canal Brasil – Melhor filme da Mostra Competitiva Brasileira de Curta-Metragem (R$ 15.000,00)

“USP 7%”

Prêmio Olhar Universitário – Troféu Mucuripe

Melhor Curta – “Janaína Overdrive”
Melhor Longa – “Casa Blanca”

Troféu Oscarito – “Fotograma”

Prêmio Mistika (Masterização em DCP)

Melhor Filme da Mostra Competitiva Brasileira de Curtas-metragens – “O teto sobre nós”
Melhor Curta-Metragem da Mostra Olhar do Ceará – “Cinemão”

TV Brasil é a emissora que mais exibe filmes nacionais, diz Ancine

A TV Brasil veiculou 120 títulos nacionais em 2015, de acordo com o Informe de Acompanhamento do Mercado da TV Aberta, feito pela Ancine

O monitoramento anual da grade de programação da TV aberta do país, feito pela Agência Nacional do Cinema (Ancine), mostra que em 2015 a TV Brasil foi a emissora que exibiu o maior número de longas-metragens nacionais, seguida da Rede Globo e da TV Cultura.

Ao todo, de acordo com o levantamento, a TV Brasil veiculou 120 títulos nacionais, enquanto a Globo reproduziu 87 e a TV Cultura, 55. O SBT não veiculou nenhum longa nacional durante todo o ano passado. Já Band e Record, respectivamente, veicularam um e três filmes brasileiros.

O Informe de Acompanhamento do Mercado da TV Aberta, divulgado na última sexta-feira, 17, verificou a veiculação de 2.082 longas-metragens na grade de programação da TV aberta em 2015. Desse total, foram 384 exibições de 262 obras brasileiras e 1.698 veiculações de filmes estrangeiras. O número corresponde a 18,4% e 81,6% de participação, respectivamente. O SBT veiculou 177 filmes estrangeiros. A CNT, a TV Gazeta e a Rede TV! não veicularam longas-metragens de qualquer origem durante o ano passado.

A pesquisa dividiu a programação das emissoras em cinco categorias: entretenimento, informação, educação, publicidade e outros.

Por outro lado, o monitoramento msotra que o conteúdo veiculado na TV aberta, como um todo, é de origem majoritariamente brasileiro, com 83,3% do total da programação. De 2014 a 2015, o levantamento registrou crescimento da ocupação da grade com programação nacional na TV Brasil (11%), além de ligeiro crescimento na CNT (2,1%), na Record (1,7%) e na Rede TV! (0,7%).

O Informe de Acompanhamento do Mercado de TV Aberta fez o monitoramento da programação das redes de televisão Band, CNT, Globo, Record, RedeTV!, SBT, TV Brasil, TV Cultura e TV Gazeta. Os dados compilados referem-se a conteúdos veiculados na cidade de São Paulo, onde está sediada a maior parte das emissoras que comandam a rede no país.

Educação

Em relação à veiculação de conteúdos educativos, a TV Brasil também se destaca na pesquisa. A categoria ocupa 10,8% na grade de programação. Em seguida aparece a TV Cultura, com 9,6%. As emissoras de TV aberta, no geral, destinaram apenas 2,8% da grade de programação para conteúdo educativo. Por outro lado, o entretenimento, como tradicionalmente a pesquisa mostra, ocupou o maior tempo da programação, com quase 50% de tudo que foi veiculado nas TVs abertas.

“No que tange especificamente à educação, categoria a que menos se atribuiu destinação de tempo na programação, observa-se que esteve totalmente ausente nas grades da Record e do SBT, e foi inferior a 1% a veiculação desse conteúdo na Band, na CNT e na Rede TV!. Apresenta-se no patamar de 1,5% a participação da categoria na TV Gazeta, e como 2,3% na veiculação do conteúdo na Globo”, informa a pesquisa.

A categorias outros – que inclui, especialmente, o conteúdo religioso (21,4%), informação (20,6%), e publicidade (5,9%) completam os segmentos de conteúdos exibidos da TV aberta.

Religião

O monitoramento feito pela Ancine mostra ainda que houve ampliação significativa da veiculação do conteúdo religioso na grade de programação da TV aberta. O conteúdo atingiu 21,1% da programação total. “Integrante da categoria outros e líder histórico de ocupação da grade, o gênero ultrapassa a marca de um quinto do tempo total de veiculação de programas pelas emissoras em 2015”, diz a pesquisa.

Logo após aparecem os telejornais, integrantes da categoria informação, com 14,6% de ocupação na grade de programação, seguidos das séries (11,6%), classificadas de entretenimento. Juntos, os gêneros religioso e telejornal ocupam 35,7% do tempo, ou seja, mais de um terço de ocupação da grade, entre 31 itens considerados na classificação da programação.

O levantamento mostra que houve “taxa de crescimento vertiginoso” de 89,85% da veiculação de conteúdo religioso na grade de programação da CNT.

Agência Brasil

Cineteatro São Luiz reabre vagas para Maratona Star Wars em Fortaleza

Cineteatro São Luiz Fortaleza anunciou nova etapa de cadastramento para quem ainda não garantiu seu lugar na Maratona Star Wars Fortaleza, que acontece no próximo dia 25. A oportunidade surgiu após a organização do evento verificar sobras de ingressos ao fim do prazo de retirada para quem se cadastrou no último fim de semana.

O formulário que dará direito ao ingresso para quatro filmes da saga será divulgado nesta segunda-feira, 20, às 9 horas, na página oficial do cineteatro no Facebook.

Star Wars Episódio VII
Divulgação

Programe-se

25/06 – 10h – Star Wars Episódio IV: Uma Nova Esperança

Dirigido por George Lucas | Ficção Científica | EUA | 2h01 | 1978
(Entrada Gratuita | Classificação Indicativa: 12 anos | Legendado)

Sinopse: Luke Skywalker (Mark Hammil) sonha ir para a Academia como seus amigos, mas se vê envolvido em uma guerra intergalática quando seu tio compra dois robôs e com eles encontra uma mensagem da princesa Leia Organa (Carrie Fisher) para o jedi Obi-Wan Kenobi (Alec Guiness) sobre os planos da construção da Estrela da Morte, uma gigantesca estação espacial com capacidade para destruir um planeta. Luke então se junta aos cavaleiros jedi e a Hans Solo (Harrison Ford), um mercenário, para tentar destruir esta terrível ameaça ao lado dos membros da resistência.

Maratona Star Wars em Fortaleza25/06 – 13h – Star Wars Episódio V: O Império Contra-Ataca

Dirigido por Irvin Kershner | Ficção Científica | EUA | 2h04 | 1980
(Entrada Gratuita | Classificação Indicativa: 12 anos | Legendado)

Sinopse: As forças imperais comandadas por Darth Vader (David Prowse) lançam um ataque contra os membros da resistência, que são obrigados a fugir. Enquanto isso Luke Skywalker (Mark Hamill) tenta encontrar o Mestre Yoda, que poderá ensiná-lo a dominar a “Força” e torná-lo um cavaleiro jedi. No entanto, Darth Vader planeja levá-lo para o lado negro da “Força”.

25/06 – 15h13 – Star Wars Episódio VI: O Retorno do Jedi

Dirigido por Richard Marquand | Ficção Científica | EUA | 2h013 | 1983
(Entrada Gratuita | Classificação Indicativa: 12 anos | Legendado)

Sinopse: O imperador (Ian McDiarmid) está supervisionando a construção de uma nova Estrela da Morte. Enquanto isso Luke Skywalker (Mark Hamill) liberta Han Solo (Harrison Ford) e a Princesa Leia (Carrie Fisher) das mãos de Jaba, o pior bandido das galáxias. Luke só se tornará um cavaleiro jedi quando destruir Darth Vader, que ainda pretende atraí-lo para o lado negro da “Força”. No entanto a luta entre os dois vai revelar um inesperado segredo.

25/06 – 18h15 – Star Wars Episódio VII: O Despertar da Força

Dirigido por J.J. Abrams | Ficção Científica | EUA | 2h016 | 2015
(Entrada Gratuita | Classificação Indicativa: 12 anos | Legendado)

Sinopse: Três décadas após a derrota do Império Galáctico, uma nova ameaça surge. A Primeira Ordem tenta governar a galáxia e só um novo grupo de heróis, juntamente com a ajuda da Resistência, pode detê-los.

Que a Força esteja com você!